Porque terceirizar? Vejas os 5 principais motivos

April 5, 2018

Tempo de Leitura: 4-5 minutos

Pode ser interessante para: público em geral; pequenas, médias e grandes empresas; 

 

Terceirização de serviços é uma realidade nas empresas. Empresas de médio a grande porte sempre terceirizam parte de suas atividades e seus projetos em muitas áreas, principalmente na área de TI. É comum, inclusive, uma empresa terceirizar o mesmo serviço para mais de uma empresa ao mesmo tempo. Agora, Porque terceirizar? Qual a vantagem de ser terceirizar? Porque tantas empresas o fazem? Quais os prós e contras da terceirização? 

 

 

Antes de mais nada, é preciso entender que o termo "Terceirizar" vem do termo inglês "Outsourcing" e este por sua vez pode ser descrita como: "Uso estratégico de recursos externos para realizar atividades tradicionalmente geridas internamente." (fonte)

 

Simplesmente por analisar o significado da palavra já conseguimos ter uma boa idéia de o quão benéfico pode ser a utilização da terceirização como modalidade de mão de obra. 

 

Agora, vamos aos 5 principais motivos pelos quais as empresas terceirizam. Para cada item irei exemplificar de modo a ficar mais claro.  

 

1. Custos

Sim. Isso mesmo. Pode parecer óbvio para alguns, mas confuso para outros. O custo pode ser muito menor ao se terceirizar do que se contratar diretamente. 

 

Exemplo: Serviços de Limpeza: É muito mais barato contratar uma empresa para prestar um serviço do que contratar profissionais para fazer a limpeza diretamente. Imagine que você tenha um pequeno escritório com 10 funcionários, talvez não esteja em suas prioridades neste início de negócio contratar alguém apenas para a limpeza. 

 

Ok, nem sempre levamos em conta os custos que uma empresa tem ao contratar o funcionário. Apenas pensamos no quanto o funcionário ganha versus quanto a empresa paga à uma empresa terceirizada e desta forma realmente não parece valer a pena, contudo trata-se de um ponto de vista limitado, pois há vários outros custos envolvidos em se contratar um funcionário do que simplesmente seu salário (como alimentação, transporte, encargos sociais, etc). 

 

2. Core Business

Muitas vezes a necessidade da empresa que a leva a procurar um profissional não tem a ver com a àrea de seu negócio. 

 

Exemplo: empresa de TI com 5 funcionários.

Com certeza não precisa de um empregado apenas a fazer café, ainda que tomem muito (muito) café. Neste caso convém terceirizar para um dos vários serviços disponíveis no mercado. 

 

3. Necessidade

Ocorre que para dar a devida vasão ao seu negócio muitas empresas necessitam de recorrer a terceirização, pois não teriam condições de o fazer através de mão de obra diretamente contratada. 


Exemplo: fábrica de marshmallow com 20 funcionários. 

Certamente essa fábrica com 20 funcionários não quer vender marshmallow apenas na vizinhança, mas por toda Portugal no mínimo. Para isso, precisaria de uma bela rede de distribuição com algumas dezenas de camiões, plano de logística e profissionais para fazer essa distribuição. Neste caso, terceirizar é uma necessidade, pois uma empresa de distribuição que já possui outros clientes ratearia os custos, teria os processos já otimizados para essa atividade, podendo sair mais em conta do que ter funcionários e uma frota dedicada a fazer isso. 

 

 

4. Competitividade

Muitas vezes empresas percebem que estão perdendo para a concorrência devido um novo produto que eles têm ou uma nova forma otimizada de trabalho. Para correr atrás deste prejuízo, buscam saber se foi uma empresa terceira quem desenvolveu o novo produto e a contratam no intuito de realizar um trabalho similar. 

 

Exemplo: empresa do setor do retalho com +1.000 funcionários. 

Seu concorrente lançou um novo mecanismo que permite de forma adiantada saber o preço de seus produtos em todos os concorrentes. Neste caso nossa empresa, que também deseja tal produto, procura por consultorias que possam ter realizado tal trabalho afim de que o realizem na empresa em questão também, reavendo assim - ou ao menos tentando - o prejuízo inicial causado. 

 

5. Flexibilidade

Empresas sempre tem projetos. As vezes muitos. As vezes mais do que seu time interno pode suportar. 

 

Exemplo: empresa do setor financeiro com +1.000 funcionários.

Ocorre que pra além de todas as atividades que eles já tem de fazer definidas em seu "Road Map", aparece uma oportunidade de aquisição. Este processo desde a análise até o pós-aquisição levará cerca de um ano. Uma consultoria poderá fazer todo o trabalho, desde o levantamento das necessidades, integrações necessárias e entrega dos resultados esperados, sem afetar os projetos que o cliente, com sua equipe interna já está planejado para executar. Ao final do projeto finda o contrato e a operação da empresa continua de acordo com o planejado. 

 

Bônus: Vantagem tecnologica

É verdade que toda empresa deseja manter seus funcionários satisfeitos de modo que não busquem oportunidades fora, reduzindo assim o "Turnover" e aumentando a produtividade dos time. 

 

Contudo, principalmente para empresas de grande porte, há uma preocupação em não ficar desatualizado tecnologicamente, pois sabe-se que a tecnologia traz mudanças e mudanças agregam valor as empresas. 

 

Por isso que uma certa rotatividade controlada é benéfica. 

Exemplo: Multinacional do ramo imobiliário com +1.000 funcionários. 

Imagine que essa empresa precise criar três APIs (Application Programming Interfaces). Se terceirizar cada uma dessas APIs a uma empresa distinta, seu time interno poderá absorver até três formas diferentes de o desenvolvê-lo. Neste exemplo, as APIs foram um subterfúgio para a aquisição do conhecimento. 

 

Há muitas razões para se terceirizar o trabalho, é verdade, contudo, é preciso ter muitos cuidados também. Um dica preciosa é não se terceirizar o conhecimento sobre o assunto. Pode e deve-se terceirizar a mão de obra, o trabalho, mas o conhecimento deve ser detido, mantido e perpetuado internamente nas organizações, evitando assim ficar "na mão" de uma empresa, isso pode custar caro. Outro ponto de atenção é o regime legal de cada país em relação à terceirização. No Brasil, por exemplo, há uma lei que rege esse tema e deve ser cumprida cuidadosamente para evitar penalidades na execução dessa modalidade de contratação.. Em Portugal, pelo que me consta até este momento, ainda não não há. 

 

Seja qual for a área de atuação de sua empresa e seu tamanho, pode obter benefícios da terceirização, contudo, como tudo na vida e principalmente em um ambiente empresarial, deve ser feito com muita análise e cautela. É como dizemos na JSOS: "Obtenha o melhor e ainda assim foque no seu negócio". 

 

Até o próximo post!

(English version)

Reading Time: 4-5 minutes

It might be intersting to: ordinary people; small companies; 

 

Outsourcing services is a reality in companies. Medium to large companies always outsource part of their activities and projects in many areas, especially in the IT area. It is common for a company to outsource the same service to more than one company at a time. Now, why outsource? What is the advantage of outsourcing? Why do so many companies do it? What are the pros and cons of outsourcing?


First of all, we must understand that the term Outsourcing can be described as: "Strategic use of external resources to carry out traditionally internally managed activities." (source)

Simply by analyzing the meaning of the word we have already got a good idea of how beneficial it can be to use outsourcing as a manpower modality.

 

Now, let's go to the top 5 reasons why companies outsource. For each item I will illustrate so as to be clearer.

 

1. Costs
Yes that's right. It may seem obvious to some, but confusing to others. The cost can be much lower when outsourcing than directly contracting.

Example: Cleaning Services:

It is much cheaper to hire a company to provide a service than to hire professionals to do the cleaning directly. Imagine that you have a small office with 10 employees, it may not be in your top priorities to hire someone just for cleaning.

 

Okay, we do not always take into account the costs that a company has when hiring the employee. We only think about how much the employee earn versus how much the company pays to a third-party company and in this way really does not seem worthwhile, yet it is a limited point of view once there are much more costs involved at hire a employee than the earns itself.

 

2. Core Business
Often times the need of the company that leads you to look for a professional has nothing to do with the area of your business.

 

Example: IT company with 5 employees.
Surely you do not need an employee just making coffee, even if they drink too much coffee. In this case you should outsource to one of the various services available in the market.

 

3. Need
It comes to happen that to give the right flow to your business many companies need to outsourcing, since they would not be able to do it through directly contracted labor.

 

Example: marshmallow factory with 20 employees.
Certainly this factory with 20 employees does not want to sell marshmallow only in the neighborhood, but throughout Portugal at least. For this, it would need a huge distribution network with a few dozen trucks, logistics plan and professionals to make this distribution. In this case, outsourcing is a necessity because a distribution company with other customers would spice up the costs among the customers, which could outweigh the number of employees and a dedicated fleet to do so.


4. Competitiveness
Often companies realize they are losing out to the competition due to a new product they have or a new optimized way of working. In order to take care of this loss, they seek to know if it was a third company who developed the new product and hire it in order to perform a similar work.

 

Example: retail company with +1,000 employees.
Your competitor has launched a new mechanism that allows him to know the price of his products well in all competitors. In this case, your company, which also wants such a product, searches for consultancies that may have carried out such work in order for the company in question to do so, thus eliminating - or at least attempting - the initial loss caused.

 

5. Flexibility
Companies always have projects. Sometimes many. Sometimes more than your inner team can bear.

 

Example: financial industry company with +1,000 employees.
It happens that in addition to all the activities that they already have to do defined in their Road Map, an acquisition opportunity appears. This process from analysis to post-acquisition will take about a year. A acquisition consultancy will do the heavy work and when it comes to the end there are no labor rights or any such type of constraints.

 

Bonus: Technological advantage
It's true that every company wants to keep their employees satisfied so they do not look for opportunities outside, thus reducing Turnover and increasing team productivity.

However, especially for large companies, there is a concern not to be technologically outdated, because it is known that technology brings changes and changes add value to companies.

That is why a certain controlled turnover is beneficial.

 

Example: Multinational real estate with +1,000 employees.
Imagine that this company needs to create three Application Programming Interfaces (APIs). If you outsource each of these APIs to a distinct company, your internal team can absorb up to three different ways of developing it. In this example, the APIs were a subterfuge for the acquisition of knowledge.

 

There are many reasons to outsource the work, it is true, however, it needs to be very careful as well. A precious tip is not to outsource knowledge about the subject. You can and should outsource the workforce, but the knowledge must be held, maintained and perpetuated internally in organizations, thus avoiding being "blackmailed" by a company, which might be expensive. Another point of attention is the legal regime of each country in relation to outsourcing. In Brazil, for example, there is a law that governs this theme. In Portugal, as far as I am aware, there is no specific law for this subject yet.

 

Whatever your business area and size, you can benefit from outsourcing, however, like everything else in life and especially in a business environment, it should be done with much analysis and caution. It's like we say at JSOS: "Get the best and still focus on your business."

 

See you on next post!

Please reload

Our Recent Posts

3 aspectos negativos da Mentalidade de "Tolerância Zero-Erro"

April 16, 2018

O Poder da Visão Estratégica

April 10, 2018

Porque terceirizar? Vejas os 5 principais motivos

April 5, 2018

1/1
Please reload

Tags

Please reload

Rua Carlos Paredes, 5A - 2840-268

Arrentela, Seixal

©2018 BY JS&OS.